quinta-feira, 10 de junho de 2010

A morte.

Boa tarde pra vocês...

E aí, como estão? Espero que bem...

Hoje finalmente vou escrever, e quero falar sobre um assunto que me toca de uma forma absurda!

É um assunto que as pessoas normalmente não gostam de falar, triste, mas que ao mesmo tempo me faz refletir sobre muita coisa... Quero falar sobre a morte!

Sei perfeitamente bem que esse não é lá um dos assuntos mais bonitos pra se escrever, mas hoje, lembrando de uma pessoa com grande saudade, resolvi desabafar de alguma forma. E que outro lugar se não meu blog?!

Sempre achei que a morte era uma grande parede entre as pessoas que ficam e que se vão e que essa era a única coisa que poderia realmente separar duas pessoas. E sinceramente, não acredito nessa história de morto voltar pra dar recado.

Vivi e sobrevivi muito a essa história de sempre... Perder parente, chorar, sofrer. Mas tem uma pessoa especialmente, que me faz realmente sentir uma saudade que chega a doer o coração!

Essa pessoa é meu irmão Vinicius.

Certamente você vai me achar louca por citá-lo aqui, mas pra mim, é com orgulho que escrevo o seu lindo nome.

Meu irmão veio a falecer depois que teve um câncer no cérebro aos sete anos de idade. Eu era muito pequena quando ele se foi, mas com certeza a saudade que sinto não é pequena, e muitas vezes chega a arder dentro do peito. Sei que a cada momento o levo comigo dentro do coração, mas às vezes tenho uma vontade louca de abraçá-lo. E não poder é sufocante!

Não sei dizer por que tive vontade de escrever sobre ele, eu apenas tive. Sei que jamais vou esquecê-lo, ele é meu amor eterno, algo que sempre levarei comigo... E isso nem sete palmos de terra podem me tirar.

A mensagem que quero deixar hoje é de que, não importa se a morte é algo que nos confunda e nos faça sentir tanto desespero, não existe nada que esteja acima do amor.

Como sempre, deixo abaixo uma frase... E quero dedicar todas essas palavras pro meu loirinho; Vini; se existem anjos, você é o meu e eu sei que nada vai fazer com que meu amor diminua. A cada momento, sei que mesmo que não seja fisicamente, você está comigo. (L)

"Há momentos na vida em que sentimos tanto a falta de alguém que o que mais queremos é tirar essa pessoa de nossos sonhos e abraçá-la."

(Clarice Lispector)

Seja forte se alguém que você ama se foi, com certeza ela estará sempre em seu coração...

Um beijo lindos, até mais. :)


2 comentários:

  1. te admiro amiga!
    linda a sua história *-*

    Tenho orgulho de te ter como amiga!

    beijomeliga :)

    ResponderExcluir

[b]